Tema - Espíritos Protectores
Inserir subtítulo aqui

Espíritos Protectores - Assistência Espiritual

Todos nós já nos questionamos sobre a assistência ou intervenção realizada pelos Espíritos na nossa vida em geral. Poderíamos até aceitar essa mesma dúvida se não existisse esclarecimento cabal sobre essa mesma ação assistencial dos Espíritos, as obras básicas da Codificação Espirita iluminam-nos e ampliam o conhecimento nesse ponto, devendo nós considerar em primeiro uma leitura apurada e detida do Livro dos Espíritos e também do Livro dos Médiuns, assim teremos mais discernimento e bom senso para analisar e criticar essa assistência espiritual que por vezes tanto desejamos obter.

O bom senso é importante para esta questão, os Espíritos Amigos não são indiferentes às nossas necessidades materiais e reconhecem também as dificuldades no campo espiritual, tudo isto leva por vezes a que não se entenda se eles "dirigem" ou não tudo na nossa vida e assim o exagero instala-se.

Para que se entenda e esclareça, os Espíritos, não nos auxiliam por nossa ordem ou decisão do momento, a assistência espiritual está verdadeiramente condicionada ao nosso merecimento individual, ainda que nunca ninguém está abandonado á sua sorte sem a inspiração Divina.

Nesta linha compreende-se que existem Leis que regem estas situações e os nossos "amigos" não podem suplantar essas Leis ou mesmo modificar o curso das nossas provas, que numa maioria das vezes têm origem nos seculos passados, com ações por nós desenvolvidas e de carater nada edificante.

Contudo e como referido nunca estamos abandonados, Deus pretende que continuemos a nossa luta educacional de elevação Moral. Como tal, somos sempre bafejados pela Bondade Divina sob a inspiração de uma ideia maravilhosa, que perante um problema que à partida parecia inultrapassável torna-se numa tarefa muito mais simples.

Claro que não teremos uma manifestação ostensiva e tudo são facilidades... Mas será tudo muito mais claro e de acordo com as nossas intenções e compreensão, o nosso esforço e mérito pelo trabalho desenvolvido são caminho na evolução.

Mas como criaturas em evolução, que ainda todos nós somos, temos tendência para pedir aos nossos Benfeitores coisas extravagantes e nada justas.

Quantas vezes não pedimos para ganhar dinheiro a rodos nos jogos de Sorte ou Azar? Emprego com ganhos elevados mas de pouca actividade só mesmo para picar o ponto? Ou mesmo num negócio em que apenas só um está a ser favorecido ou negócios de engano e pouco lícitos? Quantas vezes não pedimos para fazer desaparecer pessoas da nossa vida? Enfim, bem como muitas outras que aqui poderíamos enunciar...

Não poderemos sem qualquer dúvida contar com o auxílio dos "amigos espirituais" nestes campos de acção, os vícios, ociosidade, maledicência, inveja ou mesmo a ganancia, não são campos de trabalho para nossa evolução e como tal nem Espírito já com elevação se disporá a colaborar.

Os Espíritos Protetores nos auxiliam indicando o melhor caminho, quando o mesmo é justo e equilibrado. Não realizam o nosso dever ou chamam terceiros para nos substituir, mas nos transmitem a coragem para o trabalho e resolução. Acontece muitas vezes perante uma situação, aparecer alguém inesperado que sabe com a nossa ajuda tratar de determinada questão.

A Justiça do nosso pedido está de acordo com o problema, justamente quando a situação se encontra acima das nossas capacidades e recursos, mas os Benfeitores necessitam sempre da nossa inteligência.

Não podemos tornar vulgar e constante os pedidos de assistência espiritual, para resolver problemas insignificantes ou outros que nós próprios por vezes criamos por orgulho e falta de bom senso, vamos tornar-nos mais merecedores do esforço oculto dos nossos protetores, pois que seria de nós criaturas viventes neste mundo ainda de provas e expiações, onde a evolução se faz pela Dor, Suor e Lagrimas?

                                                                           Impressão Espirita - Autor: João Paulo - 6/9/2017